contain  multitudes  •  por  Padma  Dorje  •  fundado  em  2003
contain  multitudes
Home > Budismo > Traduções > Alguns Contos Tibetanos > O Dente Milagroso

O Dente Milagroso

A fé é e como um anel, um aro; a compaixão do Buda é como um anzol, ou como o cajado do pastor. As duas coisas podem se conectar e as bênçãos do Buda entrarão onde quer que haja abertura para tal graça.

Um exemplo disto é conto da velha que atingiu a iluminação com a ajuda de um dente de cachorro. Os fiéis têm sempre venerado os dentes e ossos de santos como relíquias sagradas; acredita-se que estes restos estão impregnados de presença espiritual.

CERTA VEZ, HAVIA UMA VELHA mulher cujo filho era um mercador. Ele frequentemente juntava-se a uma caravana e ia a negócios para a Índia distante. Certo dia sua mãe disse: "Bodh Gaya na Índia é o local onde o perfeito Buda atingiu a iluminação. Por favor, traga-me uma relíquia abençoada de lá, um talismã que eu possa utilizar como foco de minhas devoções. O colocarei no altar, orarei e prostrarei-me diante dele como uma representação material do corpo abençoado do Buda."

Muitas vezes ela repetiu o pedido. Porém, cada vez que seu filho retornava de uma viagem de negócios à sagrada Índia, ele percebia que havia esquecido o pedido fervoroso de sua mãe. Por muitos anos ele não trouxe o que ela tanto queria.

Um dia, quando ele estava aprontando-se para partir novamente para a Índia, sua mãe disse: "Filho, lembra minhas palavras na tua viagem. Desta vez, se não me trouxeres uma relíquia de Bodh Gaya para usar em minhas prostrações, me suicidarei na tua frente!"

Ele ficou chocado com a intensidade inesperada. Prometendo satisfazer o desejo da mãe, ele partiu.

Por fim, depois de muitos meses, seus negócios estavam feitos e ele aproximava-se de sua terra natal. Novamente havia esquecido de adquirir para sua mãe uma relíquia genuína do Buda. Foi somente quando ele se aproximou da casa da mãe que lembrou as palavras dela.

"O que farei?" ele pensou. "Não trouxe nada para o altar de minha mãe. Se chegar em casa de mãos vazias, ela se matará!"

Olhando ao redor em desespero, ele localizou o crânio seco de um cachorro na beira da estrada. Apressadamente, retirou um dente do crânio e enrolou-o em seda.

Chegando em casa, ele reverentemente apresentou o pacote a mãe. "Aqui está um dos dentes caninos do Buda," disse. "Comprei-o na terra natal do Senhor Buda, a Índia. Utilize-o em tuas orações."

A velha acreditou. Ela tinha fé no dente, sem duvidar por um instante que não fosse do próprio Senhor Buda. Ela lhe oferecia orações e prostrações constantemente como a genuína corporificação de todos os Budas. Através de tais práticas ela encontrou a inabalável paz de espírito que procurou por tanto tempo.

Milagrosamente, do dente do cachorro começaram a emanar incontáveis pequenas pérolas translúcidas e ondas de luz de arco-íris. Todos os vizinhos deleitaram-se ao encontrar uma bênção desse tipo, livre para ser tomada ao altar da mulher, onde reuniam-se diariamente. Quando a velha mulher finalmente encontrou a morte, um dossel de luzes de arco-íris a cercava, e todos reconheceram no sorriso beatífico de sua sábia face que ela tinha alcançado grande realização espiritual.

Apesar de um dente de cachorro em si conter poucas bênçãos, o poder da fé inabalável da mulher garantiu que as bênçãos do Buda entrassem naquele dente. Assim um mero dente de cachorro tornou-se igual a uma autêntica relíquia do Buda, e muitos elevaram-se.





Se você vê mérito nos tópicos tratados, divulgue — comente e partilhe nas redes sociais. É uma prática de generosidade que ajuda na minha própria prática de generosidade de produzir e disponibilizar esse conteúdo. Outras formas de ajudar.
tzal.org é produzido por
Padma Dorje.

e-mail

boletim informativo

Tendrel: conexões auspiciosas
canal no YouTube




Banco do Brasil (001)
ag 3.240-9 cc 123.017-4



Sugestões de patronagem recorrente (mensal):








todo conteúdo, design e programação por Eduardo Pinheiro, 2003-2019
(exceto onde esteja explicitamente indicado de outra forma)
Licença Creative CommonsEste obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Por favor, quando divulgar algo deste site, evite copiar o conteúdo todo de um texto; escolha um trecho de um ou dois parágrafos e coloque um link. O material aqui é revisado constantemente, e páginas repetidas na internet perdem ranking perante o Google (a sua e a minha).

https://tzal.org/o-dente-milagroso/