contain  multitudes  •  por  Padma  Dorje  •  fundado  em  2003
contain  multitudes
HomeBudismoÁudio e vídeoTendrelPor que o budismo?

Por que o budismo?

O budismo é uma escolha arbitrária, subjetiva, ou há um critério isento e independente que estabeleça porque o dharma está correto com relação a alguns pontos enquanto outras tradições e ideologias estão erradas?



Por favor, ajude o canal o assinando, curtindo os vídeos e comentando.

• Para receber informações sobre a produção de Padma Dorje, assine o boletim informativo

• Por favor ajude este site e o canal no YouTube a continuarem oferecendo conteúdo.

Lista completa de vídeos no canal tendrel, com descrição.

• Visite o Canal Tendrel no YouTube.

Contribuições e perguntas podem ser feitas por email padma.dorje@gmail.com.

Será mesmo correto dizer que o budismo é um caminho espiritual? A palavra “metafísica” realmente se aplica, em qualquer sentido, ao darma? Examinando mais uma vez as armadilhas do colonialismo universalista que apropriou o darma sob vários vieses e formas no ocidente nos últimos 200 anos.tzal.org

Metafísica espiritual budista?

Será mesmo correto dizer que o budismo é um caminho espiritual? A palavra “metafísica” realmente se aplica, em qualquer sentido, ao darma? Examinando mais uma vez as armadilhas do colonialismo universalista que apropriou o darma sob vários vieses e formas no ocidente nos últimos 200 anos.
Epistemologia do convencional no budismo e uma analogia consagrada na literatura do Caminho do Meio.tzal.org

Por que estudar as feições da cobra falsa?

Epistemologia do convencional no budismo e uma analogia consagrada na literatura do Caminho do Meio.
Uma premissa oculta a tanto lógica modal quanto noções de livre arbítrio é um mundo criado. Como no budismo um mundo criado é impossível, se torna difícil o diálogo com essa metodologia e tema filosóficos.tzal.org

Filosofia e budismo: e quando o teísmo está escondido?

Uma premissa oculta a tanto lógica modal quanto noções de livre arbítrio é um mundo criado. Como no budismo um mundo criado é impossível, se torna difícil o diálogo com essa metodologia e tema filosóficos.
Muitas vezes os professores do darma, em particular no ocidente, adotam uma interpretação psicológica quanto aos elementos budistas menos palatáveis ao gosto moderno, principalmente quando tais aspectos parecem desafiar as superstições materialistas prevalentes. Mas é mesmo preciso acreditar na existência efetiva de vários céus e infernos para praticar o darma? Os reinos de sofrimento, as terras puras e seus habitantes realmente existem de acordo com as expectativas e valores da Índia medieval — rios de lava ou leite com mel, palácios e adereços próprios das monarquias védicas, e criaturas tais como yakshas, rakshasas, gandarvas, nagas e pretas?tzal.org

Seriam os reinos budistas apenas metáforas?

Muitas vezes os professores do darma, em particular no ocidente, adotam uma interpretação psicológica quanto aos elementos budistas menos palatáveis ao gosto moderno, principalmente quando tais aspectos parecem desafiar as superstições materialistas prevalentes. Mas é mesmo preciso acreditar na existência efetiva de vários céus e infernos para praticar o darma? Os reinos de sofrimento, as terras puras e seus habitantes realmente existem de acordo com as expectativas e valores da Índia medieval — rios de lava ou leite com mel, palácios e adereços próprios das monarquias védicas, e criaturas tais como yakshas, rakshasas, gandarvas, nagas e pretas?


Se você vê mérito nos tópicos tratados, divulgue — comente e partilhe nas redes sociais. É uma prática de generosidade que ajuda na minha própria prática de generosidade de produzir e disponibilizar esse conteúdo. Outras formas de ajudar.



Tigela de esmolas para contribuições.

Ajude tzal.org (contribuições mensais):

• PayPal, em qualquer valor acima de 10 reais

• Stripe, 30 reais por mês

• Mercado pago, contribuição mensal de qualquer valor.


Para contribuição única:

• Pelo PIX

• PayPal

• Stripe

• Mercado Pago



Grupo de Whatasapp (apenas anúncios)


todo conteúdo, design e programação por Eduardo Pinheiro, 2003-2024
(exceto onde esteja explicitamente indicado de outra forma)

Esta obra é licenciada em termos da CC BY-NC-ND 4.0 Creative Commons. Atribuição. Não comercial. Sem derivações.



Por favor, quando divulgar algo deste site, evite copiar o conteúdo todo de um texto; escolha um trecho de um ou dois parágrafos e coloque um link. O material aqui é revisado constantemente, e páginas repetidas na internet perdem ranking perante os sites de busca (a sua e a minha).