contain  multitudes  •  por  Padma  Dorje  •  fundado  em  2003
contain  multitudes
Home > Diversos > Capitalismo é papo de vendedor

Capitalismo é papo de vendedor

Capitalismo é uma superestrutura de papo de vendedor.

Acompanhe o raciocínio na forma de um diálogo:

"Olha, já que tudo acaba naturalmente corrompido por relações comerciais e interesses autocentrados, que tal em vez de combater ou pelo menos desincentivar isso, nós não trabalhamos com essa REALIDADE?

Se você comprar essa pasta da AMWAY você poderá vender nosso excelente detergente, altamente concentrado, ótimo produto... mas a oportunidade mesmo que estou oferecendo para você não é vender detergente, isso não é o ponto. O dinheiro mesmo está em agremiar outros nesse processo, para que eles ganhem dinheiro para você como eu estou permitindo que você faça para mim agora.
O lance é ser empreendedor!"

"Pera ai, isso não é um lance meio pirâmide? Não vai certamente estourar uma hora nos que estiverem na base, ou basicamente nos que não estiverem no topo, — praticamente todo o sistema ambiental e 99% da população da terra?"

"Como isso é inevitável, o melhor não é tentar chegar no 1% o quanto antes? Vamos lá, rapaz, não seja pessimista! Arregace essas mangas, trabalhe muito, e seus descendentes terão seu lugarzinho certo num bunker baratinho, com ar filtrado, água reciclada, soylent green e uma jornada tranquila de 80h, sem férias e aposentadoria, trabalhando numa coisa leve como minerar irídio ou fritando carne artificial para os ricos numa chapa gordurenta. Que sonho! Bem melhor do que bronzeado radioativo na superfície.

O lance é produzir e vender o quanto antes, quem não entra nessa, corre o risco de ficar para trás. A hora é agora, Amanhã a promoção da pasta da AMWAY sobe 20%. Não perca essa chance. Prosperidade de bunker para todos que quiserem trabalhar que nem escravos!"

Samsara tá barato.


tzal.org

Robô significa escravo:
o humano na senzala algorítmica

Muito se fala de tecnologias disruptivas, particularmente desde os anos 2010. Entre todas elas – até mais do que bioengenharia e nanotecnologia, duas coisas com óbvio potencial de por si só virar tudo de cabeça para baixo – a inteligência artificial é a queridinha do momento. Não que o alarme não tenha soado, com figuras como Stephen Hawking, Dzongsar Khyentse Rinpoche e Elon Musk fazendo advertências bem públicas quanto a seus perigos. No entanto, o grande problema da inteligência artificial já pode ter cerca de 200 anos, e não tem tanto a ver com computadores – como é isso?
Papo de Homem

Criticar o capitalismo não é coisa de comunista

Por que criticar o capitalismo vai além de querer substituí-lo pelas experiências fracassadas de socialismo/comunismo no séc. XX.



Se você vê mérito nos tópicos tratados, divulgue — comente e partilhe nas redes sociais. É uma prática de generosidade que ajuda na minha própria prática de generosidade de produzir e disponibilizar esse conteúdo. Outras formas de ajudar.
tzal.org é produzido por
Padma Dorje.

e-mail

boletim informativo

Tendrel: conexões auspiciosas
canal no YouTube




Banco do Brasil (001)
ag 3.240-9 cc 123.017-4



Sugestões de patronagem recorrente (mensal):








todo conteúdo, design e programação por Eduardo Pinheiro, 2003-2018
(exceto onde esteja explicitamente indicado de outra forma)
Licença Creative CommonsEste obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Por favor, quando divulgar algo deste site, evite copiar o conteúdo todo de um texto; escolha um trecho de um ou dois parágrafos e coloque um link. O material aqui é revisado constantemente, e páginas repetidas na internet perdem ranking perante o Google (a sua e a minha).

https://tzal.org/capitalismo-e-papo-de-vendedor/