contain  multitudes  •  por  Padma  Dorje  •  fundado  em  2003
contain  multitudes
tzal.org

Budista de direita é fajuto

É possível coadunar valores de direita com a prática genuína do darma do Buda?
Buda Virtual

O que é ser um bom praticante

Essa resposta tem três partes. A primeira coisa a esclarecer é a tradição budista, mas particularmente tibetana, de autorrebaixamento. Então é preciso dizer um pouco sobre proporções e magnitude, e o fato de se estar satisfeito com a própria prática ser visto como um obstáculo. Enfim, é preciso explicitar a diferença, que existe apenas para iniciantes como eu, entre prática formal e prática informal, e talvez tentar dizer o que é efetivamente prática para um iniciante.
YouTube

Budismo e trans-humanismo

Longevidade muito ampliada e inteligência artificial ao nível de ser possível fazer o upload de uma consciência para uma máquina seriam um problema para o budismo?
Buda Virtual

“Ninguém Consegue ser Tão Puro”
Moralismo, Radicalismo e Atrofia Ética

Com a morte de Deus no séc. XIX, a paulatina ressignificação da ética e do sentido acabou levando, por um lado, ao liberalismo amoral pseudo-darwinista e individualista (“a promoção da competição entre as pessoas deixa a sociedade mais eficiente e justa”), e por outro, a uma tentativa construção de “ética secular”. Isso acabou colocando o ensinamento empírico e ateísta do Buda na posição incomum de única panaceia infalível com relação a esses dois extremos. No entanto, na mentalidade corriqueira, o budista é visto como um perfeccionista moral – de quem tanto se cobra as mais absurdas santidades, quanto de quem, por isso mesmo, se naturalmente desconfia como necessariamente hipócrita. Esses extremos, no entanto, são apenas óbvios frutos do julgamento precipitado de ignaros levianos e crentes do lugar-comum.
tzal.org

Por que a experiência é superior à inferência?

A maioria das formas de epistemologia budista parece aceitar isso, por que é assim?
YouTube

Como lidar com o desemprego?

Existe alguma estratégia budista para lidar com o desemprego?
Buda Virtual

Três ondas de distorção do budismo no ocidente
A 3ª onda: a distorção dos descolados

Neste artigo são apresentadas distorções causadas pelo conexão dos beatniks e hippies com o budismo, bem como os desafios do darma numa cultura de capitalismo global.
Lúcida Letra

A proposta secular do Dalai Lama

Sua Santidade explora uma versão mais ampla de secularismo, como expressa no livro Além de Religião.
Buda Virtual

“O Livro Tibetano dos Mortos”
como Apropriação Cultural

Não existe “livro tibetano dos mortos”. O texto a que se deu esse título não foi escrito com necessariamente os mortos em vista, nem é tibetano no sentido de ser aceito por toda a cultura tibetana.
YouTube

Ler sobre budismo é suficiente?

É possível apenas ler e refletir, e então praticar o budismo, sem conhecer a comunidade?
Buda Virtual

Prática formal e ajudar o mundo, uma falsa dicotomia

Budismo engajado implica que exista budismo não engajado: budismo focado numa prática que não beneficia os outros existe?
Papo de Homem

Slavoj Žižek: Velhacaria Hipster

Sobre o charlatanismo do “Charlie Sheen da filosofia” esloveno e uma crítica pontual de suas visões sobre o budismo.
YouTube

Humanista, engajado, moderno, sem crenças?

Em que medida essas qualificações para o termo “budismo” são distorções ou elementos positivos?
YouTube

Budismo e trabalho

Como integrar o darma no cotidiano, enquanto se ganha dinheiro e segue uma carreira?
Buda Virtual

Três ondas de distorção do budismo no ocidente
A 1ª onda: a distorção dos filósofos

Como os primeiros contatos do budismo com o iluminismo e a filosofia de Schopenhauer deixaram marcas que vivem até hoje na visão popular e acadêmica, e sobretudo na produção textual sobre o assunto em línguas ocidentais.
YouTube

Mindfulness e McMindfulness

Qual a posição budista sobre a apropriação de práticas e ideias pela ciência e por terapeutas genuínos, bem como por picaretas?
tzal.org

Mal tocou no gelo e já se acha geladeira

Hoje parece haver mais pessoas querendo ganhar a vida ensinando meditação do que propriamente querendo se aplicar na prática.
Buda Virtual

Budismo, Soro Antifilosofídico

Sobre a relação do budismo com a academia, em particular com a filosofia e a psicologia.
Buda Virtual

Budismo e terapia

Qual a relação do budismo com a noção de terapia? Como práticas terapêuticas podem se coadunar com a prática do darma? Qual a diferença entre a motivação correta para buscar o darma e a motivação para buscar ajuda para questões pessoais?
Buda Virtual

Simplicidade e budismo

Muitas pessoas têm uma visão estereotipada do budismo, firmada incessantemente pela indústria do entretenimento e publicidade, bem como pelas ondas de distorção de que já tratei em outros textos. Um dos aspectos dessa visão romântica e equivocada dos ensinamentos é a que eles estejam voltados a um tipo específico de simplicidade: um despojamento minimalista que envolveria o ambiente, o corpo e a cabeça. Em outras palavras, ambientes vazios, vidas quietas, poucas ideias. Isso confere?
siddharthasintent

Diretrizes de Mídia Social
para Alunos do Vajrayana

É importante manter o sigilo no Vajrayana. O Vajrayana é chamado “veículo do mantra secreto” porque se destina a ser praticado em sigilo. Aqui, não se trata de sigilo porque há algo a esconder, mas para proteção do praticante contra as armadilhas e tropeços que o ego pode trazer para a prática.
tzal.org

O uso do termo “oriental”:
o politicamente correto e o budismo

Por que evitar certas terminologias ao se referir ao estudo acadêmico do budismo e outros pensamentos asiáticos ou do mundo semita?
Buda Virtual

Três ondas de distorção do budismo no ocidente
A 2ª onda: a distorção dos românticos

Neste artigo são apresentadas distorções causadas pelo romantismo alemão/inglês, com viés no misticismo e universalismo da Teosofia e no irracionalismo de D.T. Suzuki. Ambas as distorções foram intensificadas pelo trabalho de C. G. Jung.
Buda Virtual

A beleza da futura Dalai Lama:
budismo e feminismo

Embora o budismo tenha ao longo de sua história muitas vezes corroborado visões machistas , há também motivos para regozijar com a presença do feminino na tradição.
Papo de Homem

O Zen canalha de Steve Jobs

A principal ideia de zen que dominou a cultura, e influenciou Jobs, é uma distorção dos ensinamentos do Buda, e intensifica a alienação dos consumidores e a relação das pessoas com o mundo por promover ativamente a indiferença.
tzal.org

Carta Aberta à Comunidade Budista

Em 1993 um grupo de professores ocidentais se encontrou com o Dalai Lama para discutir problemas ligados a transmissão do darma para o mundo moderno.
YouTube

Spoilers do Darma

Por que certos ensinamentos budistas requerem discrição, e não devem ser ensinados em público?



Se você vê mérito nos tópicos tratados, divulgue — comente e partilhe nas redes sociais. É uma prática de generosidade que ajuda na minha própria prática de generosidade de produzir e disponibilizar esse conteúdo. Outras formas de ajudar.
tzal.org é produzido por
Padma Dorje.

e-mail

boletim informativo

Tendrel: conexões auspiciosas
canal no YouTube




Banco do Brasil (001)
ag 3.240-9 cc 123.017-4



Sugestões de patronagem recorrente (mensal):








todo conteúdo, design e programação por Eduardo Pinheiro, 2003-2019
(exceto onde esteja explicitamente indicado de outra forma)
Licença Creative CommonsEste obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Por favor, quando divulgar algo deste site, evite copiar o conteúdo todo de um texto; escolha um trecho de um ou dois parágrafos e coloque um link. O material aqui é revisado constantemente, e páginas repetidas na internet perdem ranking perante o Google (a sua e a minha).

https://tzal.org/budismo-e-modernidade/